30 janeiro 2019

Área de interesse

Como aplicar Sustentabilidade na construção civil

Original de Buildin
0

Você sabe que a sustentabilidade na construção civil é algo a ser buscado por todos os profissionais do setor.

Você também já deve ter notado que conquistar tal objetivo cada vez mais exige uma abordagem ampla. Ou seja, que lance mão de estratégias capazes de minimizar impactos ambientais. Isso envolve desde o planejamento até a operação do prédio construído.

É sobre isso que falaremos nesse post. Assim, a ideia é te mostrar como a tecnologia pode trazer oportunidades interessantes para aplicar a sustentabilidade na construção civil.

Confira o que é necessário desenvolver em curto, médio e longo prazo.

1) Utilize plataformas digitais para ter economia

Nos últimos anos, nós vimos uma verdadeira transformação com o surgimento de uma série de tecnologias digitais.

Estou me referindo principalmente a soluções como digitalização de rotinas, computação na nuvem, marketplaces e integração de processos.

paperless sustentabilidade na construção civil

Além de economizar tempo e dinheiro, essas inovações permitiram reduzir a quantidade de recursos naturais utilizados nas atividades. Afinal, construtoras e escritórios de projeto puderam usar menos papel.

Além disso, nessas empresas os contratos são assinados em minutos, firmas são reconhecidas digitalmente, arquivos são localizados quase instantaneamente.

Na prática, há aumento da produtividade e redução de custos e de uso do espaço físico. Ou seja, são atitudes que geram economia e proporcionam benefício ambiental embutido.

Não custa lembrar que a produção desse material envolve a derrubada de árvores e o uso de aditivos químicos que podem contaminar a água. Ou seja, quanto menor for a demanda de papel, menores tendem a ser os impactos ao meio ambiente.

2) Invista em soluções de eficiência energética

O uso de softwares mais avançados integrados ao BIM (Building Information Modeling) pode garantir projetos mais eficientes, inclusive do ponto de vista da eficiência energética. Sabe como?

eficiência energética sustentabilidade na construção civil

Por exemplo, por meio de ferramentas de análises climáticas.

Softwares como o Energy Plus permitem identificar pontos críticos de consumo de energia em uma edificação. Ambientes que sobrecarregam o sistema de ar condicionado, por exemplo, ou que poderiam usufruir mais de iluminação natural. A partir disso, dá para determinar práticas para otimização do consumo de energia, como uso de isolante térmico adequado ou telhados verdes. Com isso, melhoram os indicadores de sustentabilidade da construção.

Isso significa que diferentes possibilidades de envelopamento, sombreamento e materiais podem ser comparados sob o ponto de vista energético.

Confira no vídeo como esse tipo de software funciona.

Estima-se que para cada US$ 1 investido em BIM, outros US$ 20 são economizados na construção e US$ 60 na gestão dos empreendimentos.

3) Faça uma gestão de resíduos realmente inteligente

gestão de resíduos sustentabilidade na construção civilOs novos desenvolvimentos tecnológicos, em especial a inteligência artificial, também têm causado impacto positivo na gestão de resíduos no canteiro de obras.

Dois exemplos interessantes nesse sentido são a B2Blue e a Net Resíduos.

A B2Blue é uma ferramenta online desenvolvida para conectar indústrias e empresas que enxergam resíduos como matérias-primas. Já a Net Resíduos disponibiliza uma solução online para o gerenciamento e total controle dos dados de geração, transporte e destinação de resíduos.

Sobre o combate ao desperdício, recomendo a leitura do e-book gratuito Desperdício na Construção. Esse conteúdo traz dicas importantes para combater o desperdício nas obras.

4) Aposte na construção industrializada e modular

Você há de concordar de que não faz parte do conceito de sustentabilidade na construção civil o uso de sistemas construtivos que induzem ao desperdício ou são intensivos consumidores de água e geradores de entulho.

Só para você ter uma ideia, vamos dar um exemplo de obras residenciais que utilizam estrutura de concreto armado moldada in loco e alvenaria. Este tipo de construção gera entre 0,10 e 0,15 m³ de resíduos da construção civil (RCC) por metro quadrado de área construída. É muita coisa, não é mesmo?

construção modular sustentabilidade na construção civil

Em compensação, sistemas industrializados de construção off-site geram desperdício perto de zero nos canteiros. Além disso, podem ser desmontados e remontados em outras edificações, promovendo a reciclabilidade.

Você sabe que uma edificação sustentável é projetada para ser duradoura. Mais que isso, de forma que possa ser desmontada com o menor impacto possível quando acabar o seu ciclo de vida. Além disso, o design prioriza a qualidade de vida dos ocupantes. Ou seja, é flexível para que o edifício possa ser reciclado e modificado sempre que necessário.

O engenheiro Jonas Medeiros, diretor técnico da Inovatec e CEO da Cubicon, tem falado bastante sobre a importância da industrialização e da construção modular. Há dados que indicam que a construção de casas modulares proporciona elevados índices de produtividade.

5) Utilize a tecnologia para tornar a operação dos edifícios mais racional

Os maiores custos no ciclo de vida útil das edificações acontecem na fase de operação e uso.

Você sabia que a operação de edifícios no Brasil representa a principal demanda de eletricidade do País, responsável pelo consumo de quase 50% do total produzido?

A boa notícia é que a indústria vem trabalhando para criar soluções e tecnologias que permitam uma operação mais inteligente dos edifícios.

Nos empreendimentos comerciais, alguns exemplos são notáveis. É o caso de elevadores eficientes, sistemas de refrigeração econômicos, iluminação led, energia solar fotovoltaica e sistemas para reuso de águas pluviais.

energia solar fotovoltaica sustentabilidade na construção civil

Há de se mencionar, também, os sistemas de automação. Estes permitem controlar o consumo de recursos e elevar os níveis de eficiência dos sistemas prediais.

Confira como é a operação de Edifícios inteligentes com uso de internet das coisas

Construir com sustentabilidade na construção civil é possível

Ao longo desse artigo você viu que é possível aplicar sustentabilidade nas diferentes fases de uma construção. As novas tecnologias podem auxiliar, e muito, projetistas e construtores a criarem edificações alinhadas com as exigências da sociedade atual. Mais do que aplicar sustentabilidade na construção civil é possível inovar com sustentabilidade ao construir.

Antes de concluir, recomendo a leitura de  Tudo sobre construção sustentável. Produzido pelo Buildin, esse conteúdo é bem completo. Ou seja, aborda desde conceitos, passando por certificações ambientais para edificações e exemplos práticos de construção sustentável.

Além disso, confira também alguns cases reais de aplicação bem sucedida dos conceitos de sustentabilidade na construção civil.

Se esse artigo foi útil para você, não deixe de compartilhá-lo em suas redes sociais!

Até a próxima!

Foto do Autor

Autor
Juliana Nakamura

Jornalista especializada no setor de construção civil, tem amplo conhecimento do mercado imobiliário e da engenharia civil. Sua experiência na cobertura de obras, debates e eventos do setor a torna um dos principais nomes do jornalismo especializado no Brasil!

Comentários